Número total de visualizações de página

terça-feira, 14 de dezembro de 2010

viver

Deixem-me voar…deixem-me saltar…deixem-me correr…deixem-me escrever…deixem-me cantar, dançar, representar…deixem-me chorar…deixem-me rir…deixem-me sonhar, morrerviver
Quero viver num Mundo só meu, o Mundo dos sonhos, da magia. Quero subir ao palco sempre que quiser, subir ao palco da vida. Sim, eu sonho, eu quero e eu vou conseguir pisar o meu Mundo, onde é permitido sermos nós próprios, não só nos bastidores, mas nas ruas que formam o grande palco da vida, aquele que muitos tem medo de enfrentar e então decidem usar mascaras para esconder aquilo que realmente são.
Quantos de nós podemos dizer que nunca fingimos ser aquilo que não somos?!...
Quantos de nos temos coragem para subir ao palco e não respeitar o que diz o guião que nos é imposto pela sociedade? ... mas sim dizer, palavra a palavra, o que nos vai na alma!
Quantos de nos não sonha com um final diferente mas não é capaz de fazer algo para o mudar e prefere esconder-se por detrás dos cenários porque dis que não tem talento para representar?! Para mim todos nascemos com o dom de viver, então porque não arriscar e sair detrás dos cenários.
A verdade é que a peça já começou há muito tempo, e está quase a acabar, portanto será que ainda vamos a tempo de mudar o guião? O melhor é apressarmo-nos pois a peça está quase a terminar e se continuarmos a seguir letra a letra o guião e não arriscarmos e improvisar, as cortinas vão cair e o público não vai aplaudir.

2 comentários: